(31) 3773-2282
(31) 99434-0500
Blog
13
Mar
2017
Pra começar: Automação Residencial?

Pra começar: Automação Residencial?

"Fui na nova casa de um amigo e ele me mostrou sua automação residencial...

Muito show! Vários equipamentos ligando ao mesmo tempo... Ao entrar em um outro ambiente acontecia pela nossa simples presença... Câmeras e sensores integrados com uma central...

Depois da primeira apresentação, todos foram se divertir e a automação continuava ali, em paralelo, stand by... Paramos de prestar atenção, mas em alguns momentos, via que esse meu amigo controlava algo pelo celular.

Trocava as músicas, suavizava a iluminação, aumentava ou diminuia a temperatura...."

 

8734_coldwell.png

É isso que acontece! Esse é um relato de um dos nossos clientes em seu primeiro contato conosco. O que o chamou a atenção no primeiro momento foi a mágica das coisas sendo controladas pela automação, mas o que o deixou de verdade impressionado foi a facilidade que seu amigo controlava sua casa para aquele encontro sem ter que interromper a conversa, nem pedir licença para ver algo... Como ele disse "o sistema é muito discreto!".

Uma casa com uma automação bem dimensionada nem parece que ser automatizada! Os moradores dessa casa simplesmente não lembram! Usam e controlam os equipamentos pela automação e já nem percebem! Tamanha é a simplicidade das coisas. 

 

Depois do primeiro contato com automação desse cliente, vieram as dúvidas... E sempre são muitas!!! 

Eu preciso automatizar minha casa? Por onde começar? É caro? Onde compro? Preciso passar cabos? Wireless? Tenho que estar em obra? O que posso controlar? Quero tudo!

 

Aí que a brincadeira começa a ficar séria... Responder as dúvidas do cliente e já direcionar para evitar aquelas "viagens e delírios" que tiram a eficiência do projeto e o mais importante, inviabiliza pelo custo!

Nem todo mundo precisa automatizar sua casa! Estamos em 2017 e chegamos até aqui sem ela!

Assim foi com a internet, com os carros, com a lâmpada elétrica, com a geladeira. Essas coisas não nasceram com a humanidade e, se quisermos, ainda podemos viver sem tudo isso... Mas escolhemos ter todas as invenções e facilidades da era moderna para o nosso CONFORTO! Ou seja, simplismente escolhemos!

Ter uma casa automatizada simplifica muito a vida de qualquer um!

casa-inteligente.jpg

Independentemente de estar em obra ou não, devemos começar pelos desejos e interesses do cliente.... O mais comum é o tradicional Home Theater automatizado. Quem nunca sonhou ter um cinema em casa???

Porém, também é bastante comum projetos que priorizam iluminação e segurança. Outros clientes com mais potencial normalmente querem um sistema completo, incluindo sistemas fotovoltaicos.

Para os mais empolgados, precisamos de muito cuidado. Algumas coisas ainda não são possíveis automatizar, como microondas, por exemplo. Outras são possíveis, mas precisam de MUITO cuidado, como as lareiras a gás. Imagine que é inverno e esse cliente quer encontrar sua casa já quentinha... Obviamente ele vai acionar a lareira antes de sair do trabalho. Mas... E se o acionamento falhar, deixando o gás escapar? Um perigo! Sistemas com esse tipo de risco são perfeitamente possíveis, porém demandam investimento em dispositivos de segurança com altissima confiabilidade, o que aumenta muito o valor final do projeto.

cabeado.png Após definidos os conceitos do projeto. pensamos na infra-estrutura... Cabeado ou wireless?

Muitos fatores são observados. Sistemas cabeados demandam maior interferência em tubulações e funcionam melhor em imóveis grandes. Sistemas wireless são práticos em ambientes prontos onde não há possibilidade de passagem de cabos e há a limitação de distância de comunicação do sinal, que não costuma passar dos 30 metros.

É possível e muito interessante usar o cabeado e o wireless em um mesmo projeto. Traz muita flexibilidade e aumenta as possibilidades!

O preço do sistema basicamente varia de acordo com a simplicidade e a quantidade de circuitos e equipamentos controlados. É possível automatizar só um ambiente (o Home Theater, como já citado) e aumentando o sistema pouco a pouco. wireless.png

Atualmente temos vários fabricantes, cada um com uma proposta diferente. Alguns com o básico, com excelente custo. Outros bem completos com vários recursos, com preço mais elevado.

Uma outra alternativo muito utilizada é a pré-automação. Consiste em deixar toda a infra-estrutura da residência pronta para automação sem ter que investir muito. Em média, um sistema desses fica 1/4 do valor de um projeto de automação. Com vários benefícios como redução de retornos, valorização e, no futuro, quando o cliente desejar investir em automação de fato, não será necessário nenhuma adaptação!

Em resumo, o que temos que ter em mente é: existe um sistema que cabe no seu orçamento!!! 

Leonardo Dumont

Comente essa publicação